OEI | Ciencia | Red | Formación | Contactar |

Inicio | Opinión | Reportajes | Noticias | Entrevistas | Multimedia

Salud | Comunidad

La civilización 4.0 con Walter Bazzo (UFSC)

27 de septiembre de 2018

Desde hace muchos años Walter Bazzo viene colaborando con la OEI en diversos temas CTS y su trabajo ha tomado una especial relevancia con la irrupción de las tecnologías y la forma de producción de éstas. Siempre ha tenido un trabajo centrado en los temas de la formación de los ingenieros y en estos momentos este tema ha tomado una especial relevancia.

Todo su trabajo lo desempeña en el NEPET de la Universidad Federal de Santa Catarina y es autor de grandes obras que son referencia en Brasil en la enseñanza de la ingeniería. A modo de ejemplo les compartimos algunas de ellas que tenemos en la sala de lectura CTS+I:

Refletindo acerca da ciência, tecnologia e sociedade: enfocando o ensino médio

Introdução aos Estudos CTS (Ciência, Tecnologia e Sociedade)

Uma disciplina CTS para os cursos de engenharia

Ciência, Tecnologia e Sociedade e o contexto da educação tecnológica

Este fue el primer libro que nos compartió en 1998 y representa uno de los más visitados en la web de la OEI

En el NEPET publica todos los días 1 de cada mes un texto. Les compartimos el del último día 1:

Equidade para nossa civilização

A ética, a economia, a preservação do meio ambiente, a economia de matéria-prima, a igualdade social, o desemprego e um sem-número de outras variáveis são nossa preocupação constante nesse “enrolado” processo civilizatório que cada vez mais se volta à maximização do lucro em detrimento da equidade social. Essa busca incessante e cada vez mais rápida é condição imprescindível para o aprimoramento do processo civilizatório que ainda se confunde com “progresso tecnológico”. Não precisamos dizer o quanto polêmico é semelhante desafio de contestar os paradigmas dominantes. Para que, para quem e por que são as perguntas diretoras desse processo complexo que a cada dia vão deixando nossas estratégias educacionais mais obsoletas para dar respostas a essa Sociedade hoje chamada de 4.0. Portanto, nossos objetivos são reafirmados – às vezes até de forma repetitiva – em procurar em seus princípios, como destacado em todas as nossas atividades, contribuir para a reflexão da formação de educadores no contexto dessa sociedade, buscando ampliar o debate acerca dos procedimentos e questionamentos para alcançar uma formação humana capaz de responder às mais variadas e complexas demandas, traduzidas por diferentes (novas) equações.

O entendimento desta “nova equação” civilizatória nos obriga, a todo momento, a conhecer de que forma as variáveis dinâmicas de um processo de evolução tecnológica nos levam a repensar os valores humanos e a vida como um todo. As respostas precisam ser preventivas, para não cairmos na tentação de esperarmos para dar soluções corretivas apenas quando, talvez, o processo já seja irreversível. Na continuidade dessas breves recomendações e reflexões sugerimos assistir a uma entrevista concedida a uma emissora de TV catarinense onde abordamos algumas questões relacionadas a este tema. O link que aqui anexamos (https://www.youtube.com/watch?v=85TG3YOyRNo&feature=youtu.be) é o primeiro de três segmentos da referida entrevista. Os outros dois serão oportunamente disponibilizados tão logo estejam também editados.

En este último nos comenta sobre unas entrevistas en la televisión de Santa Catarina. Les compartimos las 3:

Palabras clave:

subir

  
Diseño y contenidos por asenmac