OEI | Ciencia | Red | Formación | Contactar |

Inicio | Opinión | Reportajes | Noticias | Entrevistas | Multimedia

Salud | Comunidad

V Seminario CTS (Aveiro) Premio CTS 2014 (Vídeo y documentos)

1ro de septiembre de 2016

El 5 de julio de 2016, en el marco del V Seminario Iberoamericano CTS (V SIACTS), se presentaron las dos comunicaciones a las que se otorgó el Premio CTS de 2014. El Premio CTS es una iniciativa de la Asociación Iberoamericana de CTS en la educación en ciencias. Las dos comunicaciones fueron "Química Verde y Sostenibilidad en la educación científica" de Laura Mascarell y "Ciências no Primeiro Ciclo do Ensino Básico: Um Programa para Educação para Desenvolvimento Sustentável" de Maria da Conceição Ferreira de Figueiredo e Costa. Les presentamos el vídeo y las comunicaciones. Ambas son contribuciones a la Década de la Educación por la Sostenibilidad.

Dissertação de mestrado – Laura Mascarell Borredà, Universidade de Valência, Espanha, intitulada «Química Verda i Sostenibilitat en l’Educació Científica», orientada por Amparo Vilches

Esta investigación fue planteada como una contribución a la “Década de la Educación por la Sostenibilidad 2005-2014” cuando estaba a punto de finalizar. Trata de estudiar el papel de la química verde en la educación científica y las diversas aportaciones que se pueden realizar para la construcción de un futuro sostenible.

Dissertação de Mestrado Laura Mascarell Borredà
Diploma de Mérito Dissertação de Mestrado Laura Mascarell Borredà

Tese de doutoramento – Maria da Conceição Ferreira de Figueiredo e Costa, intitulada «Ciências no Primeiro Ciclo do Ensino Básico: Um Programa para Educação para Desenvolvimento Sustentável», Universidade de Aveiro, Portugal, orientada por Isabel P. Martins.

Num planeta finito, a impossibilidade de um crescimento contínuo e a necessidade de preservar os seus recursos naturais e ambientais, tendo em vista assegurar opções de qualidade de vida e bem-estar das gerações futuras, fez emergir e estruturar o conceito de Desenvolvimento Sustentável. Perante os múltiplos desafios que o futuro coloca, a educação constitui-se como uma via para alcançar um desenvolvimento mais harmonioso das relações entre os seres humanos e entre estes e a natureza, indispensável à humanidade na persecução dos seus legítimos anseios de paz, liberdade e justiça social. A importância atribuída à educação no sentido de uma adequada perceção da situação do planeta levou as Nações Unidas a proclamarem, no início deste século (dezembro de 2002), a Década da Educação para o Desenvolvimento Sustentável (2005-2014): um desafio internacional lançado aos países para que recorram à educação como ferramenta essencial na promoção de Desenvolvimento Sustentável. A vida nas sociedades contemporâneas é, como nunca antes, influenciada por desenvolvimentos científicos e tecnológicos e dependente dos respetivos progressos.

Assim, a Educação Científica assume um papel fundamental na compreensão das problemáticas que enfrentamos e na consciencialização da responsabilidade do ser humano na situação planetária atual, devendo promover o desenvolvimento de cidadanias proativas, fundamentadas e responsáveis, no sentido da mudança, numa perspetiva crítica global que garanta a sustentabilidade do planeta.

Estas finalidades são alvo de reflexão por parte de diversas instâncias da sociedade – nas quais se incluem organismos como a UNESCO, comunidades nacionais e internacionais de investigação em Educação Científica, e o poder político – e espelham-se em propostas de reforma e de revisão curricular em diversos países. Ora, sem ser exclusiva, a educação formal nos primeiros anos de escolaridade tem um papel fundamental, por ter caráter obrigatório na maioria dos países. Paralelamente existe um crescente reconhecimento a nível internacional em torno da importância de se iniciar precocemente a Educação Científica com vista a alcançar esses propósitos.

Resultados alcançados em diversas investigações evidenciam que a Educação Científica nos primeiros anos de escolaridade tem impacte positivo relevante no desenvolvimento de literacia científica e no desenvolvimento de atitudes positivas face à Ciência e a aprendizagens de Ciências. A presente investigação pretende ser um contributo para a Década da Educação para o Desenvolvimento Sustentável no Primeiro Ciclo do Ensino Básico.

Tese de Doutoramento Maria da Conceição Ferreira de Figueiredo e Costa
Diploma de Mérito Tese de Doutoramento Maria da Conceição Ferreira de Figueiredo e Costa

 

Información relacionada

Ver informe completo del V Seminario CTS

Asociación AIA-CTS

Década de la Educación por la Sostenibilidad

 

Participa en el MOOC sobre los Cambios Climático de la OEI y la Universidad de Porto en Miriadax

Palabras clave:

subir

  
Diseño y contenidos por asenmac