OEI

Está en:
OEI - CREDI - Boletín de Novedades - Septiembre 2003


BOLETIM TÉCNICO DO SENAC

Acceso revista electrónica

Vol. 28, nº 3 setembro/dezembro de 2002

Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial, SENAC


SUMARIO

A reforma da educação profissional sob a ótica da noção de competências. O presente artigo busca, através de pesquisa documental, analisar a reforma em curso da Educação Profissional no Brasil Balizada na noção de competências e evidenciar os problemas que suas diretrizes visam enfrentar, as suas finalidades, a concepção de conteência utilizada, as aproximações e distanciamentos dessas proposições com a Pedagogía de Competências e as limitações que elas apresentam em função do uso de referencial individualista e pragmatista. Ronaldo Marcos de Lima Araujo 2

Educação profissional no século XXI. A educação profissional no século XXI, antes de propor formação por e para competência, debe pensar o processo ensino-aprendizagem como algo que, não negando o novo e contemporâneo, se debruça sobro os quatro pilares-base da construção humana: aprender a conhecer, aprender a fazer, aprender a viver juntos e aprender a ser. José Eustáquio Romão 12

O terinamento de instrutores para a formação profissional. Trata da importância da preparação metodológica do instrutor em instituições de formação profissional e aprensenta a experiência realizada pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Rural – SENAR neste campo. Inicialmente, o treinamento é enfocado como evento propulsor do desenvolvimento organizacional, sendo visto tanto como “sistema” quanto como “tecnología”. Segue un breve histórico do papel da formação profissional e uma descrição do contexto desejável para uma capacitação didático-metodológica de instrutores em consonância com os preceitos da educação profissional moderna. Por último, o exemplo do treinamento metodológico para instrutores do SENAR, que apronta para a possibilidade de uma formação profissional de qualidade. Carla Barroso da Costa, Fernando Spagnolo, Beatrice Laura Carnielli 20

O livro e as mídias: problematizações. Diante da mídia eletrónica, dos índices alto de analfabetismo, de analfabetos funcionais, do custo alto dos livros, o que pensar? Estes suportes novos empurram os indivíduos para a leitura ou os marginalizam cada vez mais? Os leitores estão morrendo, a literatura vai desaparecer? Estes novos tempos, de saberes locais e iniciativas regionais, podem mudar o perfil da produção e da recepção, podem nos obtigar a repensar metodologías e estratégias, mas dificilmente farão desaparecer a leitura, pelo menos a das novas linguagens em que todos temos que nos reeducar. Eliana Junes 30

Educação a dostância. Ambiente virtual: construindo significados. O presente artigo tem como objetivo recortar aspectos pedagógicos do desenvolvimento de ambientes virtuais de aprendizagem. Mapeia um conjunto de tarefas e questões para a implementação desses ambientes focalizando características, possibilidades, limites. Defende a necessidade de (re)significação de paradigmas educacionais e da construção de uma “teia de conhecimientos” que possa delinear esboços de uma nova paisagem social. Ira Maria Maciel 38

Publicações 46

Senac noticias 47


FICHA BIBLIOGRÁFICA

TÍTULO REVISTA: Boletim técnico do SENAC [en línea, http://www.senac.br/boletim]
PUBLICACIÓN: Río de Janeiro [Rua Dona Mariana 48, Botafogo, 22280-020]: SENAC, Centro de Documentação Técnica, 1981-
ENTIDAD RESPONSABLE: Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial [Rio de Janeiro, Brasil], SENAC. Centro de Documentação Técnica
NOTAS: Cuatrimestral. - Cambia de formato en 1993
COMPRENDE: [1981 f.1]1982-1988[1989 f.1]1990[1991 f.3]1992-1994[1995 f.4]1998-2002[2002 3.1]-
DESCRIPTORES: Brasil; Formación profesional; Educación
PAÍS/ORGANISMO: Br
IDIOMA: Por
ISSN: 0102-549X
TIPO DOCUMENTO: Periódica
LOCALIZACIÓN: CREDI, Madrid, Es
SIGNATURA: BRA.I.R
MFN 0062
FECHA ENT.: 18-07-2003


 

© Organización de Estados Iberoamericanos para la Educación, la Ciencia y la Cultura