Red INdices

O Secretário-Geral da OEI encerra a III Oficina Ibero-americana de Indicadores do Ensino Superior

OEI . 30/10/2018
Tamaño del texto + -

Hoje o secretário-geral da OEI, Mariano Jabonero, e a conselheira de Conhecimento, Pesquisa e Universidades da Junta da Andaluzia, Lina Gálvez, encerraram a III Oficina Ibero-americana de Indicadores de Ensino Superior. O evento, que foi organizado pelo Observatório Ibero-Americano da Ciência, Tecnologia e Sociedade (OCTS), ao lado do Instituto de Estatística da UNESCO (UIS) e da Junta da Andaluzia, reuniu durante dois dias, representantes de organismos de informação estatística em Ensino Superior e especialistas, com o objetivo de analisar a metodologia de trabalho e as informações obtidas pela Rede ÍndicES, identificando possíveis aspectos a melhorar.

Durante o encontro, a OEI e a Junta da Andaluzia concordaram em dar continuidade às atividades que desenvolvem conjuntamente no campo do Ensino Superior e da Ciência. A este respeito, foi decidido lançar uma nova convocatória do Programa de Intercâmbio e Mobilidade Acadêmica (PIMA), que permite o intercâmbio de estudantes de graduação dentro das redes temáticas, integradas pelas universidades públicas da Andaluzia e os seus parceiros na América Latina. Além disso, a Junta de Andaluzia     tornou-se a primeira Comunidade Autônoma que se comprometeu formalmente a aderir ao Programa Paulo Freire plus. O Programa, de acordo com as disposições do Programa-Orçamento 2019-2020 da OEI, aprovado pelo seu Conselho Diretivo em 27 de setembro de 2018, na cidade de La Antigua, na Guatemala, inclui a criação de bolsas de estudo de pré-doutorado para que os estudantes ibero-americanos possam realizar seus estudos de doutorado em uma universidade de outro país da região que não o da sua origem.

A Rede Ibero-Americana de Indicadores de Ensino Superior, Rede ÍndicES, é uma iniciativa de colaboração regional para a produção de informação estatística que envolve os produtores de informação estatística sobre o Ensino Superior em países da Ibero-América, acadêmicos, especialistas de organismos de cooperação regional e usuários. A Rede ÍndicES é coordenada pelo Observatório Ibero-Americano da Ciência, Tecnologia e Sociedade da OEI (OCTS) e patrocinada pelo Instituto de Estatística da Unesco (UIS). Mediante esta iniciativa e os dados e relatórios publicados periodicamente pelo Observatório Ibero-Americano da Ciência, Tecnologia e Sociedade da OEI (OCTS), a OEI visa proporcionar aos governos dos Estados membros e à sociedade em geral informações fiáveis e relevantes para a construção de políticas públicas.